CLT: Como calcular horas extras?

Para calcular horas extras é imprescindível conhecer a lei e saber como ela é aplicada, principalmente desde o final de 2017 houve mudanças significativas na CLT que influenciaram diretamente a vida laboral do trabalhador brasileiro.

Nós vamos explicar como funciona a lei e como ela é aplicada, para que você possa calcular as horas extras e saber se seu empregador esta te pagando o acordado ou não.

Para ler a lei completa no site do planalto, clique aqui.

Quantas horas posso trabalhar por dia?

Antes de entender como calcular horas extras, você precisa compreender sobre sua própria jornada de trabalho.

As escalas mais comum são as de 5×2, aonde o trabalhador trabalha 5 dias da semana e folga um e as de 6×1, aonde o trabalhador folga apenas um dia da semana.

Independentemente da jornada de trabalho realizada, é importante ressaltar que elas dependem do acordo que a sua empresa tem do seu sindicato, ou seja, sua jornada de trabalho pode ser unica dependendo da sua empresa. Por isso é importante ler o contrato de trabalho antes de aceitar a proposta laboral.

De acordo com a CLT, a carga de trabalho não deve ultrapassar as 44 horas semanais, porem, existem escalas que permitem o trabalho até 24 horas seguidas. Você pode verificar uma lista de todas as formas em CLT: Jornadas de trabalho.

Caso a quantidade de trabalho exercida ultrapasse 44 horas semanais, as remanescentes deverão realizar o pagamento das mesmas em hora extra ou banco de horas.

calcular horas extras: Mesa de escritório com computadores

Foto por Marvin Meyer

Como calcular horas extras

São necessários alguns passos antes de conseguir calcular horas extras, mas basicamente o processo consiste em descobrir quando se ganha por hora trabalhada e realizar a conta em relação à porcentagem adicionada pela realização da hora extra.

1.Quantas horas você trabalha mensalmente?

Para calcular horas extras, além de saber quantas horas você trabalha por dia, é necessário compreender quantas horas você trabalha em um mês, pois esse número servirá de base para calcular horas extras.

220 horas mensais: Esse valor se aplica à todos os trabalhadores que trabalham entre 7,33 horas por dia à 8 horas diárias.

180 horas mensais: Esse valor se aplica à trabalhadores que possuem turnos de 6 horas diárias.

2. Valor salarial diário

Sabendo quantas horas você trabalha por mês, será necessário realizar o calculo para verificar qual é seu salário diário.

Para isso basta dividir seu salário pelo número divisor encontrado no passo anterior, ou seja, a quantidade de horas trabalhadas mensalmente.

Esse passo é muito importante para calcular horas extras, por isso, preste atenção pois o divisor pode variar dependendo do seu acordo.

Veja o exemplo:

Calcular horas extras: Salário dividido pelo divisor

Se o seu salário  for o equivalente a R$1500 reais e você trabalhar 220 horas semanais, o preço da sua hora normal trabalhada é de R$6,81.

1500 reais divididos por 220, resultado: 6 reais e 81 centavos por hora.

3. Saiba qual o adicional da hora extra

Ao calcular horas extras saiba que o mínimo que uma empresa deve pagar por hora extra é de 50%, isso significa que seria o valor da sua hora normal mais metade desse mesmo valor.

Algumas empresas pagam mais do que isso, portanto, é necessário verificar as condições no seu contrato.

Para calcular horas extras baseando-se no valor da metade, você precisará simplesmente somar o seu valor completo adicionando mais 50%.

Para facilitar a operação, você pode realizar a conta salario hora vezes 1,5, pois o resultado será o basicamente o valor completo + 50%.

salario hora x 1,5

A lógica é a mesma para empresas que pagam 60% do valor, por exemplo, você só precisaria calcular vezes 1,6, para 70% do valor 1,7 e assim consecutivamente.

Veja o exemplo:

Personagem exemplo para calcular auxilio doença / calcular horas extras

Nome: Manuel

Horas trabalhadas mensalmente: 220

Salário base: R$1500,00

Salário hora: R$6,81

Hora extra vale: 50%

R$6,82 x 1,5 = R$10,23 por hora extra

Para calcular horas extras de Manuel do período de um mês em que ele totalizou 5 horas extras trabalhadas, ele ganhará: R$51,15. Esse número se consegue fazendo o calculo das quantidades de horas extras trabalhadas pelo preço pago pela hora extra.

Quantas horas extras posso fazer por dia?

O período estipulado pela CLT é de no máximo 2 horas extras diárias.

Saiba que não é caracterizado hora extra o período na empresa no qual você não esta efetuando trabalho, ou seja, períodos receosos não acordados, tais como: esperar um temporal passar ou fazer tempo até outro compromisso, qualquer atividade de lazer não será válida ao calcular horas extras.

Interjornada

É importante saber que é necessário ter um intervalo de pelo menos 11 horas entre os turnos trabalhados.

Por exemplo, se seu turno termina as 9 horas da tarde, você não poderá efetuar trabalhos as 23 horas do dia anterior, pois isso significaria trabalhar entre esse intervalo de 11 horas.

Posso me recusar a fazer horas extras?

Isso depende do seu contrato de trabalho, pois se as mesmas estiverem previstas no seu contrato, você não poderá nega-las.

Fora isso, apenas em casos excepcionais aonde há motivo de força maior irremediável que comprometa funcionamento da empresa o funcionário não poderá se recusar à fazer horas extras.

Porem, para que uma empresa se enquadre nessa exceção ela deve procurar a delegacia regional do trabalho antes de solicitar as horas extras.

Estagiário pode fazer hora extra?

Não, os estagiários não podem fazer hora extra pois as leis de trabalho de estágio não estão vinculadas com a CLT e mais carga horária diária pode interferir no desenvolvimento do estagiário com seus estudos.

Mulher trabalhando em um notebook

Foto por Avel Chuklanov

No Responses

  1. Pingback: CLT: Jornadas de trabalho - Trabalho Ideal 23 de abril de 2020

Comentários

Gostaria de saber das nossas novidades?Assine nossa Newsletter e receba conteúdo de primeira qualidade no seu e-mail!

Assine a nossa newsletter e receba dicas para sua vida profissional no seu e-mail!