Rescisão: 5 conselhos para superar a demissão

A demissão pode causar uma sensação de fracasso e luto que muitas vezes é inevitável, portanto, é necessário compreender como podemos lidar com esse momento sensível da melhor forma possível.

Por isso, separamos algumas dicas que podem te ajudar a lidar com esse período da melhor forma possível, possibilitando seu crescimento pessoal e profissional.

Funcionária triste após demissão carregando suas coisas.

Foto por Pressfoto

1. Estar triste não te faz menos capaz

É quase inevitável passar por uma demissão e não se sentir triste, mas é necessário compreender que estar triste não te torna um fracassado. Portanto,  permita a tristeza, ela é necessária para o processo de superação, mas não deixe que os pensamentos de inferioridade te alcançarem.

Para isso, lembre-se do percurso que você percorreu para estar aonde você esta, com certeza conquistou muitas coisas, foque em tudo aquilo que ainda não conquistou e siga em frente quando se sentir pronto.

2. Motivos da demissão

Uma boa empresa constantemente te trará feedbacks e estimulará seu crescimento de forma apropriada. Ela indica seus pontos de melhoras de maneira privada e profissional, sem levar ao âmbito pessoal ou humilhação pública.

Caso a empresa não te explique quais são os métodos e formas de melhorar o trabalho, o profissional é impotente de provar uma possível melhora. Se você passou por esse tipo de situação, compreenda que é impossível cumprir a expectativa do empregador quando ele não sabe comunicar exatamente o que ele quer. Portanto, não se sinta culpado(a) por não cumprir algo que nunca lhe foi dito.

O segundo caso seria, se a empresa sim te dá feedbacks e pontos de melhora privadamente de maneira profissional. Isso depende muito de caso pra caso, mas tente refletir se estar nesse emprego era realmente sua vocação.

Muitas vezes não podemos oferecer aquilo que uma empresa nos solicita e isso é comum em todo o mundo. Lembre-se que pessoas tem distintos tipos de inteligência, portanto, há pessoas que são excelentes oradores e péssimos em matemática. Você deve buscar um emprego que encaixe naquilo que você gosta e que você é bom em fazer.

Nos casos em que você têm vocação naquilo que foi solicitado, lembre-se que ninguém pode controlar tudo. Muitas vezes, as empresas precisam cortar gastos ou automatizar processos e infelizmente com isso são obrigados a cortar funcionários. Isso não é sua culpa ou responsabilidade, se você é capacitado, uma demissão não determina seu valor.

3. É uma experiência importante

Pode parecer que não, mas a experiência da demissão te fortalecerá. Você aprenderá a lidar com situações de tensão de forma mais leve, pois passará por momentos de muita ansiedade e deverá aprender como lidar com isso.

Não é fácil lidar com a demissão, pois sentimos inquietações sobre o futuro e isso pode nos levar a depositar esforços em coisas que não estão sobre seu controle, portanto, é necessário que você canalize essas idéias e informações em algo produtivo que verdadeiramente vá te proporcionar crescimento.

Portanto, atravessar por esse período pode te tornar uma pessoa mais sábia e preparada para lidar com diversas adversidades da vida.

Mulher em postura de yoga, relaxando enquanto trabalha

Foto por Yanalya

4. Momentos de crise transformam

Quando nos sentimos cômodos, evitamos mudanças que podem nos causar crescimento, porem, em momentos de crise tentamos ao máximo todas as opções para conseguir nos manter em pé. Isso nos faz descobrir novos caminhos e possibilidades que muitas vezes não nos dávamos conta devido ao conforto oferecido por uma relação de emprego.

Portanto, pode ser que a demissão te faça sair da zona de conforto de e possibilite seu crescimento pessoal e profissional, mas isso depende da sua atitude em relação à situação. Por isso é importante manter uma atitude positiva e se focar em construir um novo futuro.

5. Ocupe seu tempo livre

Tome alguns dias para descansar, mas lembre-se de ocupar seu tempo livre. Após uma demissão, é muito comum que muitas pessoas cedam à depressão, o que não é benéfico em nenhuma circunstancia.  Portanto, lembre-se de ocupar seu tempo livre com atividades que farão você crescer.

Faça cursos presenciais ou online, aqui deixamos algumas opções de cursos gratuitos para que você possa se profissionalizar:

logo Udemy Logo Sebrae logo Senac Logo FGV logo Coursera

Tudo sobre rescisão

Além de se preparar emocionalmente para as mudanças que ocorrerão no seu cotidiano, você precisa manter o foco sobre quais são seus direitos como trabalhador(a).

Clique em Rescisão: Tudo sobre rescisão laboral para ler nosso guia sobre rescisão laboral e se informar sobre quais são seus direitos durante o processo de demissão.

 

 

Comentários

Gostaria de saber das nossas novidades?Assine nossa Newsletter e receba conteúdo de primeira qualidade no seu e-mail!

Assine a nossa newsletter e receba dicas para sua vida profissional no seu e-mail!