Teste de personalidade: conhecendo mais a si mesmo

Fazer um teste de personalidade pode ser muito revelador e intrigante, pois nos revelam resultados que muitas vezes podem nos surpreender e nos ensinar coisas sobre nós mesmos

É um bom exercício de auto conhecimento e de auto avaliação, pois somos colocados em uma posição à pensar sobre decisões que poderíamos tomar em determinada circunstância.

Normalmente durante algumas entrevistas de emprego nos é solicitado a realização de um teste de personalidade, para avaliar se realmente somos de um perfil compatível com o que a empresa busca.

MTBI

O Indicador tipológico de Myers-Briggs (MBTI) é um instrumento utilizado na psicologia para definir 16 tipos de personalidades.

Ele foi criado por Katherine Cook Briggs e sua filha Isabel Briggs Myers durante a Segunda Guerra Mundial e é o mais aceito atualmente, sendo amplamente utilizado durante entrevistas de emprego.

O teste de personalidade se baseia em 4 eixos básicos, que explicaremos abaixo:

 

  • Introversão(I) e Extroversão(E): Analisa se o individuo gera energia através de contatos sociais ou se recarrega através de do seu momento de introversão. Não é relacionado à quanto essa pessoa é tímida ou não, mas ao quanto ela se sente confortável com contato exterior.

 

  • Sensação (S) e Intuição (N): É relacionado com a percepção que a pessoa tem sobre o mundo, e como ela busca informações. Os sensoriais são mais voltados à informações que são concretas, realistas e processadas pelos cinco sentidos humanos, já os intuitivos se identificam com informações mais abstratas sendo guiados pela intuição durante suas escolhas, são mais criativos.

 

  • Racionalidade (T) e Emoção (F): Essa dicotomia divide as pessoas com a forma com que elas tomam decisões. Os racionais tendem a decidir soluções através da lógica, normalmente decidem sem interferência e confiam muito no seu próprio intelecto. Os sentimentais são pessoas que priorizam emoções e afetos durante as decisões, são mais empáticos e levam em consideração outras pessoas na tomada de suas decisões.

 

  • Juízo (J) e percepção (P): Indica qual é a maneira em que o individuo deseja conduzir sua vida. Os julgadores são metódicos e valorizam possuir controle sobre as coisas que realizam, são dominantes e não gostam de mudanças ou desorganização. Já os perceptivos tem como  metodologia uma forma mais flexível e tranquila, são mais abertas à transformações e são mais espontâneos.

 

O perfil do individuo é traçado através de perguntas que são realizadas durante o teste de personalidade, com o intuito de medir a identificação ou qual ação o individuo tomaria em determinadas situações.

O fato do individuo escolher suas próprias respostas abre as possibilidades que o mesmo adultere os resultados, porem, ainda assim os especialistas falam que o método é o mais confiável de analise de personalidade hoje em dia.

Teste de personalidade - psicologo realizando analise com paciente

Divisão por papéis

O resultado do teste de personalidade dividirá as pessoas em 4 grupos: Analistas, Diplomatas, Sentinelas e Exploradores. Estes, serão ramificados em mais 4 grupos.

Dependendo das suas respostas do teste de personalidade, você se encaixará em um grupo e sub-grupo distinto, e cada um destes, possui características e personalidades próprias.

No entanto, é necessário se lembrar que nenhum teste de personalidade é perfeito, portanto, é possível que você não se identifique com todas as características indicadas.

Analistas

São pessoas independentes, abertas à opiniões, intuitivas e pensantes. São reconhecidas pela racionalidade e imparcialidade.

Lógico (INTP): São indivíduos muito focadas honestas, entusiasmadas e objetivas. Porem, muitas vezes podem ser insensíveis por focarem demais na razão.

Inovador (ENTP): São originais, flexíveis, carismáticas e que possuem ótimas idéias, porem, podem demonstrar sinais de intolerância e dificuldade para se focar em alguma atividade.

Comandante (ENTJ): Caracterizados pela eficiência e energia, são especialmente auto confiantes, carismáticos e inspiradores. Porem, podem ser insensíveis, intolerantes, teimosos ou excessivamente dominantes.

Arquiteto (INTJ): Possuem imaginação e mente estratégica, assim como são auto confiantes, independentes e decisivos. Podem também apresentar personalidade julgadora e excessivamente analítica.

 

Diplomatas

São indivíduos intuitivos e sentimentais, que se focam na empatia e cooperação. São bastante influentes, sendo bons conselheiros e mediadores.

Advogado (INFJ): Indivíduos idealistas, reservados, criativos, decisivos e determinados. Normalmente são muito sensíveis e perfeccionistas.

Protagonista (ENFJ): São muito tolerantes, geram confiança e extremamente carismáticos. São notáveis por serem lideres natos, mas podem apresentar características de insegurança e podem ser muito sensíveis.

Mediador (INFP): Indivíduos idealistas, altruístas e bondosos. São muito criativos e mente aberta. Porem, podem levar críticas de maneira pessoal ou inclusive, ser muito egoístas.

Ativista (ENFP): Possuem espirito criativo e líder, além de ser uma pessoa sociável. São curiosos e observadores, cheio de energia e ótimos comunicadores. Podem ter dificuldade em focar-se em determinada atividade, e também podem se estressar com facilidade.

 

Sentinelas

São pessoas mais tradicionais e trabalhadoras, tem facilidade para lidar com a hierarquia e organização, também são colaborativos e estáveis.

Logístico (ISTJ): São responsáveis, honestos e diretos, além de calmos e práticos. Porem, também podem ser muito teimosos e insensíveis. Acredita-se que esse é o perfil mais comum entre todos.

Defensor (ISFJ): São pessoas confiáveis e pacientes, são leais e trabalham duro. Podem ser tímidos e repreender seus sentimentos interiores, assim como levar críticas de forma muito pessoal. Estima-se que 13% da população tenha esse tipo de personalidade.

Executivo (ESTJ): São dedicados, diretos e honestos, têm talento nato para organização. Porem, podem ser inflexíveis ou julgar excessivamente. Também apresentam dificuldade para demonstrar emoções.

Cônsul (ESFJ): São pessoas atenciosas e sociáveis, muito leais e conectadas às outras pessoas. Porem, podem ser vulneráveis à criticas, podem ser poucos egoístas à ponto de se preocuparem mais com os outros do que consigo mesmo.

 

Exploradores

São pessoas mais espontâneas, que tomam decisões rápidas, são habilidosos e conectados com o mundo.

Virtuoso (ISTP): São otimistas, energéticos, criativos e práticos. São relaxados e sabem lidar com momentos de crises. Porem, podem ser muito insensíveis por usarem muito de lógica, ou extremamente reservados.

Aventureiro (ISFP): São ousados e charmosos, possuem talento e criatividade assim como são apaixonados e curiosos. Podem possuir problemas com estima e se estressam com facilidade.

Empresário (ESTP): Indivíduos ousados, inteligentes e cheios de energia. São racionais, práticos, perceptivos e diretos. Porem, podem ser insensíveis, impacientes e desafiadores em grande proporção.

Animador (ESFP): Sempre energético e espontâneo,  além de entusiasmado. São pessoas originais, observadoras e praticas. Porem, são sensíveis, ficam entediados facilmente e possuem dificuldade para focar em atividades. Tem dificuldades em planejar atividades a longo prazo.

Teste de personalidade - Grupo de pessoas conversando com psicologa

Utilização para seleções de trabalho

O teste de personalidade MTBI não foi desenvolvido para recrutamentos, no entanto, ele é amplamente utilizado para esse propósito.

Não há problema nenhum utilizar desses métodos como forma de recrutamento, porem, é importante se atentar que o óbvio muitas vezes não é a realidade.

Há uma crença popular de que ao realizar um teste de personalidade e possuir características de introvertido, essa pessoa não seria capaz ou apta de ser líder. O que é irreal, pessoas introvertidas podem ser boas líderes.

Por isso, ao adaptar o teste de personalidade para o recrutamento da sua empresa, é necessário ser precavido para não julgar as pessoas por isso, afinal, nenhum teste de personalidade é perfeitamente preciso.

 Teste de personalidade

Existem outros tipos de teste de personalidade que também são amplamente utilizados durante o recrutamento de novos empregados.

Birkman: é um teste de personalidade que integra os dados comportamentais, motivacionais e ocupacionais.

Facet5Mapea 5 fatores: afetividade, determinação, energia, controle e emocionalidade.

Hogan:  Esse tipo de teste de personalidade é voltado para desenvolvimento de profissionais, muito aplicado para criar planos de crescimento empresarial.

Não existe um teste que seja melhor ou que defina perfeitamente a personalidade de alguém, assim como não existe uma maneira de “falhar” nesse teste.

Podemos mudar nossa personalidade?

Caso exista algum padrão na sua personalidade que te incomode ou que você deseje modificar para sua evolução pessoal, é possível mudar a sua personalidade com perseverança e auxílio psicológico.

Portanto, é possível modificar sua personalidade, mas cada caso é um caso e deve ser analisado por um profissional para melhor diagnostico.

Aonde faço o teste de personalidade?

É possível fazer o teste de personalidade online gratuitamente através do site 16 Personalities, que te dará um relatório detalhado sobre o seu tipo de perfil.

Clique aqui para fazer o teste de personalidade

Comentários

Gostaria de saber das nossas novidades?Assine nossa Newsletter e receba conteúdo de primeira qualidade no seu e-mail!

Assine a nossa newsletter e receba dicas para sua vida profissional no seu e-mail!